Quarta, 12 de Junho de 2024
Publicidade
Anúncio

Em 13 cidades do Piauí, vereadores ganham acima do valor permitido pela Constituição afirma TCE; Pedro ll está entre as cidades

TCE realiza auditoria com 224 câmaras municipais.

02/12/2023 às 03h50
Por: Vítor Candeira
Compartilhe:
Em 13 cidades do Piauí, vereadores ganham acima do valor permitido pela Constituição afirma TCE; Pedro ll está entre as cidades

Tribunal de Contas do Estado promoveu uma auditoria nas folhas de pagamento das 224 câmaras municipais de vereadores piauienses. O relatório com o resultado foi divulgado nesta semana e mostra que 13 cidades pagam os salários dos parlamentares acima do que é permitido pela Constituição.

salário de vereadores varia por município, mas é necessário seguir limites estipulados pela Constituição. Tais limites levam em consideração o tamanho dos municípios e os salários recebidos por deputados estaduais da unidade de federação.

No Piauí, os deputados estaduais recebem R$ 31.238,19. Pela legislação, cidades com até 10 mil habitantes podem pagar até 20% do valor, ou seja, R$ 6.247,64. Já nas cidades com população entre 10 mil e 50 mil moradores, o limite máximo para pagamento do subsídio do vereador é de R$ 9.371,46, o que corresponde a 30% do subsídio dos deputados estaduais.

As cidades de 50 mil a 100 mil habitantes, podem pagar aos vereadores até 40% do salário de um parlamentar estadual, que é R$ 12.495,28. Os dois municípios piauienses com mais de 100 mil habitantes, Parnaíba e Teresina, podem pagar salários máximos de R$ 15.619,10 e R$ 23.428,64, respectivamente.

auditoria do Tribunal de Contas levou em consideração o mês de junho de 2023 para realizar a análise.

As cidades em que vereadores ganham mais que o permitido pela Constituição são Antônio Almeida, Baixa Grande do Ribeiro, Barras, Capitão Gervásio Oliveira, Esperantina, Floriano, Miguel Alves, Parnaíba, Pedro II, Ribeira do Piauí, Santa Filomena, Sebastião Leal e União.

Crédito: O Dia

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.